Asfalto da MS-442, uma conquista para Taunay, será concluído em dezembro

0
13
Foto: Saul Schramm

Com conclusão prevista para dezembro deste ano, a obra de pavimentação asfáltica de onze quilômetros da MS-442 – do entroncamento com a BR-262 ao distrito de Taunay, em Aquidauana – segue em ritmo acelerado, realizando um sonho de décadas dos moradores e das comunidades indígenas. Mais de seis quilômetros da estrada já receberam a base asfáltica, além de sistema de drenagem, e a primeira etapa será finalizada em julho.

“É um sonho que está se transformando em realidade e vai contemplar uma das maiores populações indígenas do Estado”, afirma o secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel. “Mais um compromisso que está sendo cumprido por essa gestão municipalista. Mesmo na pandemia de coronavírus, que exige esforço maior de investimentos na saúde, estamos dando continuidade aos projetos de desenvolvimento do Estado”, ressaltou.

Obra histórica

Para o prefeito de Aquidauana, Odilon Ribeiro, o investimento do Governo do Estado (R$ 13,9 milhões, recursos do Fundersul) a chegada da infraestrutura será o indutor do desenvolvimento da região, que sofreu um processo de estagnação com o sucateamento da antiga ferrovia Noroeste do Brasil, que corta o distrito. “É uma obra histórica para Aquidauana, tanto para a população do distrito de Taunay, como para as comunidades indígenas”, ressalta.

Para o povo terena da Terra Indígena Taunay-Ipegue é um sentimento de conquista em relação às lutas por melhorias na comunidade. “O asfalto vai garantir que nosso povo tenha mais dignidade, com segurança e rapidez de acesso, melhoria no atendimento de serviço de saúde e um incentivo para aumento da nossa produção”, disse o cacique Julison Farias, da Aldeia Água Branca. “O governador Reinaldo Azambuja honrou compromisso com nossa gente.”

Prazo de entrega

A execução da obra está dentro do cronograma, com previsão de entrega em 5 de dezembro, segundo a Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos). A pavimentação da primeira etapa está sendo finalizada, com execução do serviço de base do último trecho. A segunda etapa já foi iniciada com implantação da terraplenagem. Serviços complementares incluem sistema de drenagem superficial e colocação de bueiros de concreto.