Governo fará reforma geral da Escola Inácio Silvestre Monteiro, na área rural de Caracol

0
17
Foto: Divulgação

Para melhorar a estrutura e aprendizado dos alunos, o governo do Estado vai investir R$ 2,4 milhões na reforma geral da Escola Municipal Inácio Silvestre Monteiro, que fica em vila rural da cidade de Caracol. Trata-se de uma parceria com a prefeitura do município. A licitação para reforma geral e ampliação da unidade escolar foi finalizada nesta semana, com a escolha da empresa Salazar Construtora Ltda para estar à frente da obra. O próximo passo é a assinatura do contrato e logo depois o início dos trabalhos no local. O investimento será de R$ 2.499.987,87.

O prefeito de Caracol, Neco Pagliosa, explicou que a reforma se trata de uma parceria do município com o governo estadual. “Além da reforma geral no prédio, também será construído três novas salas. A unidade fica em uma vila rural e precisava destas melhorias, se tratava de uma obra necessária”, descreveu.

Ele contou que levou a proposta ao governador Reinaldo Azambuja e foi atendido de forma célere. “Logo já foi repassado para Secretaria Estadual de Educação e foi aberta a licitação. Acredito que já no mês que vem a obra tenha início”. O prefeito ainda revelou que a unidade vai receber alunos da rede estadual.

A obra se trata de mais uma parceria da gestão estadual com os 79 municípios do Estado, em diferentes setores como educação, saúde, segurança e até na infraestrutura urbana das cidades. Os investimentos são frutos do programa “Governo Presente”, onde são acordados investimentos levando em conta as prioridades de cada município.

Reformas

Apesar da pandemia do coronavírus desde março do ano passado, o governador Reinaldo Azambuja continua com os investimentos em educação, com a reforma das escolas da rede estadual de ensino. A intenção é melhorar as condições de trabalho aos profissionais de educação e assim contribuir com o aprendizado dos alunos.

De acordo com a Secretaria de Estado de Educação (SED), já são mais de R$ 262 milhões investidos em reformas e intervenções nas escolas estaduais desde 2015. Neste período foram quase 600 intervenções nas unidades, com obras de acessibilidade, pintura, readequações na parte elétrica e hidráulica, assim como reformas gerais.

“O Estado tem hoje 356 escolas estaduais. Eu posso dizer que até o final de 2022 teremos todas elas estruturadas, reformadas e modernas”, garantiu o governador Reinaldo Azambuja.