Faxineira e Servidor de MS são presos com R$ 50 milhões em conta em operação contra o tráfico de drogas

0
39
Foto: Divulgação/ Dracco / Midiamax

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul e MS deflagraram na terça-feira (10) a Operação Tríade e prenderam uma faxineira e um servidor público de MS. Os dois são acusados de integrarem uma organização criminosa que atuava no tráfico de drogas e lavagem de dinheiro nas fronteiras do país. No local indicado como sede das pessoas jurídicas, foram encontrados imóveis abandonados. De acordo com as investigações o núcleo financeiro da qual os dois presos faziam parte movimentaram mais de R$ 78 milhões em operações fraudulentas. A faxineira realizou transações de mais de R4 15 milhões em suas contas bancárias. No endereço disponibilizado de sua pessoa foi localizado uma residência abandonada.

O funcionário público municipal de Campo Grande de 45 anos movimentou mais de R4 35 milhões em operações suspeitas. Ambos prestarão depoimento sobre a participação no esquema de lavagem de dinheiro. Identidade dos presos não foi divulgado.

Policiais do DRACCO (Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado) cumpriram os mandados.