PM prende brasileiro envolvido em roubo milionário no Paraguai

0
52
Foto: Reprodução/TV Record / Portal Uol

José Luiz Cardoso de Almeida o “Bilu” foi preso e, São Paulo após fugir de um presídio no Paraná. Integrante do PCC (Primeiro Comando da Capital) e condenado por homicídio é acusado da participação do maior assalto da história do Paraguai à empresa Prosegur no qual foram roubados R$ 120 milhões.

José chegou a ser preso na época, por envolvimento com o assalto milionário em 2017. Contudo consegui fugir do presídio em 2018. E desde então era considerado foragido. Mas nesta semana acabou preso em flagrante após cometer mais um crime na Capital Paulista.

De acordo com informações policiais José estava em um carro roubado acompanhado de uma mulher e portando uma pistola semiautomática com mira laser.

 mas conseguiu fugir do presídio em 2018. Desde então, ele era considerado foragido. Nesta semana, ele foi preso em flagrante por outro crime, em São Paulo, e acabou identificado.

Conforme o portal Uol, o suspeito estava acompanhado de uma mulher, em um carro roubado e com uma pistola semiautomática com mira laser, munição para fuzil, dólares e reais, joias e 9 celulares. Militares da Força Tática abordaram o veículo na Avenida dos Bandeirantes. O carro, que é de uma locadora, tinha queixa de furto. O acusado chegou a apresentar documento falso, mas foi identificado e recapturado.